Jogo Treasure Hunter

Treasure Hunter é uma divertida caça ao tesouro para toda família

Jogo de tabuleiro Treasure Hunter
Jogo de tabuleiro Treasure Hunter

Junte-se a uma equipe de corajosos aventureiros em busca dos mais valiosos (as vezes nem tanto assim) tesouros em um jogo bem divertido com muito blefe, dedução e claro perigos em Treasure Hunter da DEVIR um jogo para 2 a 6 jogadores.

Como se joga Treasure Hunter?

Seu objetivo é fazer mais pontos ao final de 5 rodadas, que serão os tesouros e o dinheiro que você acumulou.

A cada rodada 6 tesouros são posicionados nos lugares de exploração, um no local de força máxima e outro no de força mínima.

E a disputa dos tesouros é feita com as cartas, que são os aventureiros de cada uma das 3 regiões do jogo.

Jogo de tabuleiro Treasure Hunter
Os corajosos aventureiros…

Os jogadores então recebem 9 cartas e cada um escolhe UMA e passa as demais para o jogador à esquerda, recebendo as cartas de quem está à sua direita.

Isso acontece até que todas as cartas tenham sido escolhidas e cada jogador possua 9 cartas.

São com essas cartas que você vai disputar tesouros, afastar goblins e conseguir até mesmo um dinheiro extra.

A rodada começa com todos os jogadores colocando na mesa TODOS os seus aventureiros da primeira região, e quem tiver a maior soma de força leva o tesouro do local MAX e quem tiver a menor leva do local MIN.

Mas tome cuidado pois nem sempre o tesouro do local MAX é o mais interessante, e depois que todas as cartas foram reveladas os jogadores podem baixar cartas adicionais que vão alterar sua soma total, tentando com isso conseguir um tesouro diferente ou mesmo ficar sem nenhum tesouro.

Você pode usar quantas cartas desejar e cada jogador vai baixando novas cartas até ninguém mais o desejar fazer.

Os jogadores então recebem seus tesouros e vamos para a próxima área onde todos baixam seus aventureiros, somam as forças, baixam novas cartas e recebem seus tesouros.

Após as 3 áreas serem exploradas os jogadores precisam se defender dos goblins baixando cartas de cachorros, que podem evitar um prejuízo.

Os doguinhos que protegem contra os goblins

São 3 grupos de goblins e você precisa ter força igual ou maior para não ser roubado, caso contrário você coloca neles a quantidade de dinheiro indicada.

E o jogador com maior força de cachorros ainda leva as fichas de goblins por derrota-los, levando inclusive todo dinheiro que tenha sido colocado ali.

Aquele tesouro que não vale o esforço

Existem tesouros que dão pontos ao final da partida de acordo com algumas condições, o que é sempre interessante e dá uma dinâmica bem legal de buscar o que você mais precisa.

Ao final da quinta rodada os jogadores somam seu dinheiro e tesouros vencendo quem tiver mais pontos.

Acessibilidade

O jogo conta com bastante manipulação das cartas, pois na fase de escolha delas você precisa consultar as que já escolheu para fazer novas escolhas que façam mais sentido.

Sendo assim eu recomendo o uso de um card holder especialmente com as crianças para deixar o jogo mais fluído, afinal você só precisa comparar as novas cartas com as que já escolheu olhando ao invés de precisar pegar as cartas para olhar.

Dá para jogar com crianças?

Claro! Mas não é um jogo para crianças pequenas (à partir de 8 anos) pois é necessária uma certa dose de atenção para escolher bem as cartas e ver o que talvez faça mais sentido.

O jogo vai trabalhar bastante a idéia de “faça o melhor com o que você tem” ao invés de criar aquele cenário de planejamento mais perfeitinho, o que é sempre uma boa oportunidade para desenvolver a capacidade de se adaptar.

O que achei do Treasure Hunter?

Treasure Hunter da DEVIR traz toda a emoção e disputa por tesouros de uma maneira meio imprevisível onde cada jogador tem alguma idéia das cartas que estão disponíveis mas não de todas.

Escolha os aventureiros do mesmo lugar e some suas forças!

Ele tem toda a pegada de um jogo mais família, com poucas regras, bem simples de explicar e entender mas que vai divertir quem gosta daquele jogo onde aconteçam algumas disputas pelos tesouros.

Ele não é aquele jogo de fazer muitos planos mas sim de tentar escolher as cartas que façam mais sentido para você.

Os cachorros são importantes para evitar (e talvez até ganhar) os goblins e as cartas de moedas são uma opção para ganhar alguma coisa se as demais cartas não forem interessantes.

As cartas que permitem manipular sua soma de aventureiros pode ser interessante para conseguir aquele tesouro super valioso, é sempre bom ter algumas na mão e saber o momento de usa-las.

O que gostei:

  • Aquele jogo para até 6 pessoas, colocando bastante gente em um jogo relativamente fácil
  • Ele fica entre um jogo mais estratégico e aquele jogo só de bagunça, sendo perfeito para jogar com a família
  • Aquela agonia bacana de escolher apenas UMA carta de todas que recebe, tornando assim cada escolha muito relevante
  • Você pode muitas vezes apostar em cartas que ninguém está de olho e conseguir moedas ou mesmo um tesouro que não vale tanto mas vai lhe render alguns pontos

Pontos de atenção:

  • É aquele jogo onde você precisa fazer o melhor com o que vem até você, se você gosta de ter mais controle ou não gosta de jogos com sorte talvez não seja para você.

Treasure Hunter da DEVIR é aquele jogo bonito, fácil de explicar e que vai apresentar escolhas interessantes para os jogadores.

Cada rodada será muito disputada e saber escolher bem é uma habilidade que vai lhe trazer muitos tesouros valiosos!

Inscreva-se no meu Instagram e conheça o melhor sobre os jogos de tabuleiro!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s