6 atitudes que acabam com suas partidas

Você adora jogar jogos de tabuleiro certo?

São divertidos, desafiadores, apresentam temas e assuntos instigantes e além disso são ótimos para reunir os amigos e a família para um tempo gostoso ao redor da mesa, estamos de acordo?

Existem porém algumas atitudes que você pode tomar enquanto joga que afastarão as pessoas de você, e acho que seria essencial você conhece-las para evita-las e até mesmo examinar se alguma delas já não está presente durante suas jogatinas.

Muitas delas podem ser sutis e você nem percebe-las direto, e um belo dia você chama as pessoas para jogar mas ninguém aceita sem aparentemente nenhuma boa razão, mas no fundo são essas atitudes que as pessoas estão evitando em você!

Então vamos conhecer as 6 atitudes que podem acabar com suas partidas!

6 passos para ensinar jogos perfeitamente

Não saber as regras do jogo

Se o jogo é seu e você vai apresenta-lo à um grupo de pessoas que não o conhece ainda sua obrigação e ter as regras na ponta da língua.

Além disso você precisa ter estruturado a explicação e até mesmo jogado um pouquinho sozinho para entender a dinâmica do jogo.

Tudo isso é extremamente importante para evitar aquela partida onde ninguém sabe ao certo o que está acontecendo, criando uma sensação de frustração, e pode acreditar, ninguém vai aceitar um convite seu para uma próxima partida.

Então é sua tarefa preparar-se bem para explicar o jogo, e se você tem dificuldade para isso veja minhas dicas para ensinar jogos perfeitamente aqui.

Levar tudo muito a sério nas partidas

Se para você o jogo é um fim em si mesmo você pode estar colocando suas partidas em risco!

Deixe-me explicar: Se seu objetivo no fim das contas é vencer, ou seja, conquistar o máximo em termos do jogo você pode estar perdendo a interação, diversão e a leveza do momento com os outros jogadores.

O jogo precisa ser um MEIO e não um FIM. Um meio para você conhecer mais as pessoas, se relacionar, relaxar, dar risadas e se divertir.

Não estou dizendo que você não deve levar a partida a sério, mas quando você leva muito à sério pode ter certeza que ninguém vai querer jogar com você.

Não prestar atenção na explicação das regras

Se o dono do jogo precisa caprichar na explicação para deixar todo mundo animo para jogar, você precisa colaborar e prestar atenção na explicação.

Então nada de ficar mexendo nas pecinhas, puxando conversa com os demais ou mesmo olhando o celular.

Nunca diga “Ah, vamos jogando e aprendendo…” porque na prática isso só vai dificultar ainda mais o jogo, e mostra falta de consideração por quem está se esforçando para explicar o jogo.

Então na hora da explicação, seja educado, abra um sorriso, olhe nos olhos de quem está explicando e tente prestar atenção.

40 jogos de tabuleiro digitais (parte 1)

Não largar o celular

Todo mundo sabe que vivemos em uma sociedade conectada e tudo bem durante a partida você dar uma olhada em uma mensagem ou outra, uma notificação ou mesmo postar algumas fotos da partida no Instagram (você pode conhecer o meu aqui).

Mas é extremamente chato uma pessoa que simplesmente não consegue largar o celular.

Então se você realmente não quer jogar tudo bem, mas se tomar essa decisão controle o uso do celular e tente desfrutar da companhia dos demais jogadores, você vai perceber que isso é muito legal e os demais jogadores agradecem.

Jogo de tabuleiro DOOM

Não escolher o jogo adequado

“Há tempo certo para todo jogo” já diz o antigo ditado (tá certo, esse ditado não existe), mas não deixa de ser verdade.

Quer sempre ter gente disposta a jogar com você? Tenha sensibilidade para escolher os jogos de acordo com o gosto, tempo e preferência de todas as pessoas.

Se você não sabe ao certo o gosto do povo, leve jogos simples e rápidos e um ou outro um pouquinho mais complexos para jogar se for o caso.

Se houver crianças por perto tenha um jogo mais simples e convide-os para jogar também. Gaste alguns minutos com eles, afinal são a próxima geração de jogadores.

Seja sensível e tenha bom senso para escolher os jogos!

Não tomar cuidado com comida e bebida

Jogos e nossos medos irracionais

Se você for jogar e tiver comida e bebida disponível é de bom tom não comer e beber na mesma mesa onde vão jogar.

Se o dono do jogo autorizar ou não ver problemas tudo bem, mas é prudente sempre dar uma observada antes e tomar cuidado, afinal um copo virado pode causar um prejuízo desnecessário.

Se for o caso coloque uma cadeira ao lado ou beba depois.

E para quem organiza as partidas, separe um tempo para comer e beber se for o caso ou avise a galera para ter os cuidados básicos com comida e bebida, afinal de contas o combinado não sai caro e fica todo mundo satisfeito.

E ai, lembra de mais alguma atitude que pode atrapalhar as partidas, me conta!

Um Instagram cheio de novidades e conteúdo sobre jogos, vai lá me conhecer!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s