9 fases que todo jogador já passou (ou vai passar…)

Quem não passou por todas (ou algumas pelo menos) dessas fases que atire o primeiro meeple, afinal são fases naturais e até engraçadas que muitos enfrentam quando conhecem os jogos de tabuleiro.

Claro que sempre existem exceções e nem tudo vai exatamente como descrito aqui, mas no fim das contas a gente acaba se identificando, entendendo e até dando risada lembrando o quanto já percorremos dessa jornada pelo fantástico mundo dos jogos de tabuleiro.

Então confira comigo 9 fases que todo jogador ou já passou ou ainda vai passar!

Foto por Pixabay em Pexels.com

A grande descoberta

Essa é a primeira fase que todo mundo que descobre o fabuloso mundo dos jogos de tabuleiro passa!

Quando você descobre que jogos de tabuleiro vão além de WAR, Banco Imobiliário e Detetive e encontra literalmente centenas de ótimas opções para todos os gostos e bolsos você pira!

Você ainda não conhece praticamente nada sobre jogos de tabuleiro e descobriu esse mundo seja através de algum amigo, conhecido ou mesmo pela internet através da Ludopedia por exemplo ou no Instagram.

Algo chama a sua atenção, você vai dar uma pesquisada e BUM, um universo inteiramente novo se abre diante dos seus olhos.

Foto por mali maeder em Pexels.com

Curiosidade

Depois do recém descoberto mundo dos jogos de tabuleiro vem a fase da curiosidade, pois como a pessoa não conhece praticamente nada, ela fica literalmente horas e horas pesquisando sobre diversos jogos, o que já foi lançado, onde vende e até mesmo procurar grupos que falam do assunto.

Nessa fase também começa a procurar dicas e sugestões de jogos e nesse momento vem aquela enxurrada de nomes de jogos para pesquisar e assistir vídeos no Youtube e Instagram.

E justamente nessa fase que a pessoa confirma que existe um mundo sobre jogos de tabuleiro imenso que ela desconhecia totalmente.

Zombicide Black Plague chegando em JULHO

Jogar modinhas

Na próxima fase, depois da descoberta e de ter se aprofundado um pouco no mundo dos jogos agora a pessoa começa a procurar os jogos mais conhecidos ou falados do momento para jogar.

É nessa fase que a pessoa tem contato com os jogos mais “modinhas” ou mais conhecidos nesse universo. Jogos como Zombicide, Ticket To Ride e CATAN entre outros são jogados e a pessoa curte bastante pela experiência muito diferente que eles proporcionam com relação aos jogos mais tradicionais.

É evidente que nessa fase o gosto da pessoa ainda está sendo formado e nem todos jogarão os mesmos jogos, mas nessa fase é mais comum procurar aquilo que está mais em alta no momento ou que é mais conhecido por todos para experimentar.

E também é aqui que muitos acabam ouvindo que jogo é “coisa de criança”e já partem imediatamente em defesa de seus amados “board games”.

Evento de jogos de tabuleiro Diversão Offline 2019

Eventos

Nessa fase a pessoa já jogou até que bastante jogos e já está com alguns gostos mais destacados na sua mente, então o próximo passo é procurar os eventos sobre jogos de tabuleiro.

Nos eventos você pode conhecer mais pessoas que jogam, lançamentos e experimentar jogos novos ou que você não teria acesso à não ser comprando.

Eventos como Board Game São Paulo e o Diversão Offline acabam entrando na mira da pessoa, que passa a ficar de olho na agenda e começa a ser figurinha carimbada nos eventos.

Seu exército de meeples no jogo de tabuleiro Carcassonne

As gírias…

Nessa fase a mente da pessoa já está dominada pelos jogos de tabuleiro, e de tanto conteúdo que ela consome à respeito começam a saltar de sua boca expressões nunca vistas antes como: Meeples, work placement, alocação de dados, AP e sleeves.

Ela está tão imersa nesse mundo que nem percebe quantas expressões ela usa para falar sobre um jogo que grande parte das pessoas que não joga não faz a menor idéia do que elas significam.

Nesse momento pode haver um distanciamento das pessoas que não jogam por não acompanharem o mesmo gosto e não falarem sobre o assunto, por isso é necessário muito cuidado nessa fase para não afastar os amigos e a família.

Loja para jogar Safe House

Jogar todo dia

Nessa fase a pessoa já tem alguns jogos, já sabe do que gosta, já tem seus títulos favoritos e uma vontade imensa de jogar, então nesse momento ela decide que precisa jogar todo dia!

O grande problema é que se você não tem ninguém na sua casa (ou próximo à você) com o mesmo desejo e agenda pode ficar extremamente difícil realizar seu sonho de jogar diariamente.

Felizmente existem plataformas digitais como Board Game Arena e versões de jogos famosos para o celular, mas mesmo assim esses são apenas paliativos para aplacar a sede terrível por jogar mais e mais.

Foto por Vera Arsic em Pexels.com

Desapontamento

Nessa fase sombria que muitos encaram vem a descoberta que você tem mais jogos do que precisa, que não consegue comprar nem jogar os grandes lançamentos, que cada vez tem menos tempo para jogar e que aquele entusiasmo inicial pelos jogos está sendo apagado.

Com a correria do dia-a-dia, dificuldade em conciliar agendas para jogar e um certo consumismo, nessa fase é que muitos acabam percebendo que estavam de certa forma exagerando e começam a então colocar alguns limites e entender a realidade.

Não que seja um desapontamento em si, mas acontece em certos momentos um choque de realidade, onde a pessoa percebe que não será do jeito que ela estava esperando.

Estantes e mais estantes de jogos de tabuleiro na Warpig

Vamos colecionar

Depois do choque de realidade nessa fase a pessoa meio que desencana e não se preocupa mais tanto assim em jogar todo os dias pois o foco para muitos agora passa a ser ter jogos!

E não há nada de errado com isso, afinal o dinheiro é seu e você como adulto responsável que deveria ser sabe muito bem suas responsabilidades e deveres.

Nessa fase que a pessoa começa a criar aquela fila (interminável? Espero que não) de jogos para estrear, o número de partidas se adequa à realidade e a pessoa não se preocupa com isso, pois ela consome jogos de tabuleiro através de vídeos e resenhas.

Claro que sempre que possível ela vai jogar, mas já passou aquela agonia inicial e agora os fatos estão bem mais estabelecidos para ela.

4 idéias para montar um grupo para jogar

O que vale é jogar!

E na última fase a pessoa já percebeu que os jogos de tabuleiro são algo que ela realmente adora, ela acompanha os conteúdos que gosta, fica de olho nos lançamentos e nas promoções mas não tem aquela necessidade de sair comprando tudo e percebe que no final o que vale é se reunir e jogar.

Procura sempre reunir a família e amigos para jogar, e sempre tem um jogo na mão se houver uma boa oportunidade.

Ela não se preocupa mais se não deu para jogar, fica tranquila se esgotou aquele lançamento e não liga mais quando falam que jogos são coisa de criança, afinal ela descobriu um hobby super divertido onde o mais importante são os momentos e as experiências que ele proporciona.

E você, em qual fase está? Me conta!

Se você gosta do meu conteúdo descubra os  jogos mais legais e as melhores dicas, lá no meu INSTAGRAM!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s